1ª CCMDSArtigos em DestaqueCompanhiasGaleriaVídeos

Comandos 127 – Da Recruta ao Combate – 1ª Parte – Vídeo



A Grande Reportagem mostra um olhar exclusivo sobre o polémico treino das forças especiais em Portugal. Durante dois anos, uma equipa de reportagem da SIC/Expresso acompanhou um grupo de jovens militares. Desde a recruta ao combate real, num dos países mais violentos do mundo.

Na primeira parte da Grande Reportagem “Comandos 127” viajamos até à República Centro-Africana, onde os militares que fizeram o curso de Comandos integraram este ano uma Força ao serviço das Nações Unidas.

—–

Durante dois anos uma equipa de reportagem da SIC/Expresso acompanhou um grupo de jovens, desde o primeiro dia em que entraram no Exército, até fazerem parte de uma força especial e chegarem à República Centro-Africana para a primeira missão da sua vida. Depois da recruta e da missão em Bangassou – retratados na primeira parte da Grande Reportagem – espera-os uma longa viagem pelo país, de regresso à capital, Bangui, onde a Força Portuguesa tem o seu aquartelamento permanente. Mas esta não é apenas uma viagem de mais de 700 quilómetros por um dos países mais perigosos do mundo. Nem sequer apenas pela missão de uma força portuguesa no estrangeiro. No final, vemos as transformações operadas por uma longa viagem de dois anos, que mudou as vidas de um grupo de jovens. “A viagem mais longa” – a segunda parte da Grande Reportagem “Comandos 127” – é emitida esta quarta-feira, no Jornal da Noite da SIC

O mesmo grupo foi entrevistado em vários momentos do seu percurso. Dois anos depois da primeira conversa ainda como simples recrutas, encontramo-los agora já como comandos em missão na República Centro-Africana, onde integram uma Força de Reacção Rápida ao serviço da Missão das Nações Unidas. Naquele que é um dos países mais pobres e violentos do mundo, os novos comandos sentem pela primeira vez o que é fazer parte de uma missão real, na luta contra os diferentes grupos armados que dominam o território.

A reportagem está dividida em duas partes. A primeira parte – Da recruta ao combate – centra-se em Bangassou, no leste do país, onde a Força Portuguesa esteve durante um mês tendo como missão perseguir vários líderes armados, e trazer maior segurança e tranquilidade às populações. A segunda parte – A viagem mais longa – traz-nos o relato de uma longa viagem pelo país, de regresso à capital, Bangui, onde a Força Portuguesa tem o seu aquartelamento permanente.

JORNALISTA, IMAGEM e EDIÇÃO João Santos Duarte

FOTOGRAFIAS: Tiago Miranda

GRAFISMO Cláudia Ganhão

PRODUÇÃO Diana Matias

PÓS-PRODUÇÃO AÚDIO Edgar Keats

COLORISTA José Dias

COORDENAÇÃO Cândida Pinto; Germano Oliveira; Joana Beleza

DIREÇÃO Ricardo Costa; Pedro Santos Guerreiro

SIC – 30.08.2018